É isso.

Te conheci.
E pela beleza da inocência achei que seria apenas mais uma a passar pela minha vida.
Até te encontrar.
E você sabe, já te narrei inúmeras vezes o que eu senti aquele dia.
A partir dali eu jamais conseguiria ser a mesma pessoa.
Te ter por perto era sentir minha pele desgrudando da carne.
Eu nunca vou conseguir descrever a sensação de saber que você estava pensando em mim.
Eu nunca vou conseguir descrever a sensação de saber que você não pensa mais em mim.
Dia desses tomei coragem de deletar todas suas fotos e vídeos do meu celular
na esperança de te apagar de mim.
Dia desses quase apaguei todas músicas que te fiz, na tentativa frustrada de te fazer sumir.
Adiantou? Não, senão eu não estaria aqui escrevendo pra você uma coisa que jamais irá ler.
Dá primeira vez tu levou contigo um pedaço de mim.
Dessa vez tu levou outro pedaço. Maior.
Na real você não sabe o quanto eu te queria inteira comigo.
Eu inteira.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s